O melhor site sobre frases, mensagens e pensamentos.

Sobrenomes Portugueses

Você já percebeu que existem várias pessoas com o mesmo sobrenome, mas sem nenhum grau de parentesco entre si? Isso só aumenta nossa curiosidade por conhecer um pouco mais a respeito dos sobrenomes, tentando buscar seus significados e entender como surgiram.

Infelizmente, como estamos falando de palavras surgidas há bastante tempo, por mais dedicada que seja a pesquisa, nem sempre obtemos um resultado 100% preciso.

Mas antes de iniciarmos a descobrir os sobrenomes portugueses, é preciso entender um pouco sobre o passado de Portugal.

Portugal faz parte de uma região chamada Península Ibérica, localizada no sudoeste europeu. Essa região é formada por alguns países, sendo os dois mais importantes e que ocupam a maior parte dela Espanha e Portugal. A história cultural e a política dessas duas nações por longo tempo estiveram ligadas entre si.

Hoje apenas países vizinhos, no passado os reinos espanhol e português chegaram a ser unificados e várias relações diplomáticas aconteceram entre eles. Inclusive, houve o chamado momento da União da Ibérica: com a morte do rei Dom Sebastião, que não deixou herdeiros, o rei espanhol Filipe II, sob o pretexto de parentesco com o falecido rei português, invadiu o reino vizinho e anexou-o à Espanha.

Entre os anos 1640 e 1668 houve várias disputas entre os países, terminando em um acordo entre Carlos II (Espanha) e Afonso IV (Portugal), reconhecendo a independência de Portugal.

É claro que estamos apresentando um super resumo de décadas de história ligando esses países.

Nosso objetivo é ajudar você a entender a similaridade gráfica e sonora entre sobrenomes espanhóis e portugueses, já que ao longo dos séculos e pelos mais variados motivos, a cultura dessas duas nações esteve muito próxima e passando pelas mesmas influências. Então, essas similaridades não são mera coincidência.

Uma última curiosidade antes de descobrirmos esses sobrenomes. Como você verá, muitos deles tiveram sua origem a partir de profissões, lugares de nascimento ou de residência (chamados de topônimos), apelidos, traços físicos e até mesmo como forma de homenagear o pai (chamados de patronímicos). Casos assim são comuns em todas as línguas.  

Sobrenomes Portugueses mais Bonitos e Populares


sobrenomes-portugueses

  • Albuquerque

É sobrenome considerado de extrema importância, pois teria sido o sobrenome de uma nobre e influente família na Península Ibérica. Remete à Vila de Albuquerque, esta localizada no território espanhol. É um topônimo que indica um lugar onde as pessoas residiam ou onde haviam nascido.

Uma vez que Albuquerque surgiu a partir do latim Albaquercus, cujo significado é “branco carvalho”, este também pode ser considerado um significado do sobrenome Albuquerque.

  • Almeida

É outro sobrenome bastante importante, remetendo a um momento da história de Portugal. Na região portuguesa de Ribacôa, havia o Castelo de Al-Mêda, nome de origem árabe formado por al, que é um artigo definido, e majíd, que significa “glorioso”, “planície”.

Segundo documentos, com a liderança do cavaleiro Dom Payo Guterres Amado, os portugueses tomaram o castelo dos mouros. Posteriormente, o nome do castelo passou a ser utilizado como sobrenome e Pedro Paes de Almeida, filho de Dom Payo, foi o primeiro a recebê-lo.

Esse sobrenome é apresentado com os significados de “o glorioso”, “a glória”, “a planície” e, ainda, “conquista gloriosa”.

  • Álvares

Sobrenome patronímico cujo significado é “filho de Álvaro”, o que nos leva a buscar o significado desse nome próprio para ampliar o sentido de Álvares. Álvaro surgiu do nórdico antigo Alfarr, tido com os significados de “nobre guerreiro”, “guerreiro protetor”.

Assim, Álvares fica com o significado de “filho do nobre guerreiro”, “filho do guerreiro protetor”.

  • Alves

É considerado forma reduzida de Álvares, assim também significando “filho de Álvaro”. Como Álvaro é um nome próprio masculino de origem nórdica cujo significado é “guerreiro protetor”, “nobre guerreiro”, Alves também pode ser entendido como “filho do guerreiro protetor”, “filho da nobre guerreiro”.

  • Braga

Aqui, estamos falando de um topônimo. Está ligado ao nome de uma cidade portuguesa que se chama Braga. Assim, esse sobrenome surgiu como indicação de pessoas residentes ou nascidas nessa cidade.

De acordo com documentos, é utilizado como sobrenome desde o século XIV, sendo Dom Gonçalo Esteves de Braga, muito provavelmente, a primeira pessoa com esse sobrenome. Vale acrescentar que essa família era influente e com muitos bens.

  • Cardoso

Tem sua origem em cardos, nome de uma espécie de planta que possui espinhos. Seu significado fica, então, como “habitante de lugar onde os cardos são abundantes”, “nascido em lugar onde os cardos são abundantes”.

Segundo documentos históricos, existe como sobrenome desde o ano 1100. Nota: O brasão mais difundido dessa família é precisamente a imagem de um cardo com um animal em cada um de seus lados.

  • Carvalho

É outro sobrenome surgido a partir das características de um lugar onde uma pessoa morava ou havia nascido. No caso, estamos falando do carvalho. Portanto, esse sobrenome pode significar “nascido em um lugar com muitos carvalhos”, “vindo de lugar com muitos carvalhos”.

Por conta da simbologia do carvalho, árvore conhecida por ser resistente e com extensa longevidade, o sentido desse sobrenome pode ser estendido para “longevidade”, “resistência”. Além disso, o nome dessa árvore vem do latim carualis quercus, significando “árvore de diversas características”, o que também acaba sendo um significado possível para sobrenome Carvalho.

Nota: Os primeiros registros desse sobrenome datam do século XII e com a grafia Carvalio. A família Carvalho era considerada uma das mais nobres famílias portuguesas no século XVI.

  • Coimbra

É um dos sobrenomes topônimos da nossa lista, indicando que o indivíduo nasceu ou vive em Coimbra, nome de uma região portuguesa. A respeito do nome da cidade, sabe-se que Coimbra deriva do celta Conímbriga, sendo -briga, termo que se refere à castelo, fortaleza.

  • Correia

Típico sobrenome ibérico (cuja forma espanhola é Correa). Remete a um lugar, significando “local onde existem muitas corriolas, tiras ou correias”. Pode estar relacionado às tiras de couro que eram fabricadas pelas pessoas ou a corriolas e correias, que são espécies de planta (assim chamadas por se assemelharem a tiras de couro).

Logo, é considerado um sobrenome topônimo. Durante os séculos XII e XVII, a família Correia era considerada de muito prestígio em Portugal.

  • Costa

Quer dizer “junto da Costa”, “natural do litoral”, “habitante da Costa”. Esse sobrenome topônimo não é exclusividade portuguesa, existindo também na Espanha e na Itália com o mesmo sentido. Acredita-se que no caso português, tenha sido utilizado durante o período medieval como maneira de nomear uma nobre família que habitava a zona costeira do país.

A sua importância pode ser evidenciada no fato de estar o brasão da família Costa exibido na Sala de Brasões do Palácio Nacional de Sintra, em Portugal.

Já para demais estudiosos, esse sobrenome estaria relacionado ao grego Kosta, surgido como diminutivo do nome búlgaro Konstantin; nesse caso, seu significado seria “referente a alguém de natureza constante”, “referente a alguém perseverante”.

  • Cruz

Seu significado é precisamente o que o próprio sobrenome sugere: “cruz”. Considerado sobrenome português com origem espanhola, faz referência à cruz em que Jesus Cristo morreu. Segundo pesquisadores, desde a Idade Média várias famílias portuguesas (e também espanholas) acrescentaram Cruz aos seus nomes como demonstração de religiosidade.

Vale lembrar que a Cruz é considerada o símbolo universal da fé cristã. Destacando, ainda, o movimento das Cruzadas, nome dado aos movimentos militares partidos da Europa rumo à Terra Santa cujo objetivo era manter os povos sob a fé cristã.

  • Cunha

Sobrenome ibérico surgido a partir de uma característica de um local. Teria surgido como referência a lugares cujos terrenos lembra-se formato de cunha, que é um formato em V. Assim, sugere-se como significado “nascido em local onde a rocha tem formato de cunha”, “habitante de local onde a rocha tem formato de cunha”.

Esse sobrenome é utilizado desde os séculos XII-XIV. De acordo com estudiosos, esse sobrenome é conhecido por ter feito parte de prestigiosas famílias espanholas e portuguesas.

No caso português, é fácil identificar essa importância: na Sala dos Brasões do Palácio Nacional de Sintra (Portugal), o brasão da família Cunha é um dos que lá podem ser encontrados.

  • Fernandes

É um sobrenome é bastante popular em Portugal que foi muito comum na Península Ibérica durante o período da Idade Média, o que explica sua grande difusão em Portugal e na Espanha. Significa “filho de Fernando” e, como esse nome próprio quer dizer “o que ousa viajar”, “viajante corajoso”, podemos entender Fernandes com o significado de “filho daquele que ousa viajar”, “filho do viajante corajoso”.

  • Ferreira

Como se deu em várias línguas, o ofício do ferreiro e de pessoas cujo trabalho envolvia lidar com ferro, bem como esse material em si, levou à existência de um sobrenome. No caso de Ferreira, há estudiosos que defendem ter surgido para se referir ao ofício de ferreiro.

Já outros estudiosos afirmam que se trata de un topónimo, entendendo esse sobrenome com o significado de “aquele que vem da Terra Rica em ferro”. Seu surgimento data do século XI, pela figura de Dom Álvaro Rodrigues Ferreira.

Nota: Em italiano, encontramos os sobrenomes Ferreti, Ferrari, Ferrara. Em inglês, Smith. Em alemão, Schmidt. São todos sobrenomes relativos a ferro ou a ferreiro.

  • Gomes

Apesar de bastante comum, esse sobrenome carece de algumas específicações. Afirma-se que seja um patronímico, o que a presença do sufixo ­-es parece comprovar. Seu significado é entendido como “filho de Gomo”, este um nome próprio que está em desuso há muito tempo. Bom, quanto ao significado desse nome, os estudos não são consensuais.

Há quem diga ter surgido a partir de Guma, nome visigótico que significa “homem”. Já partindo do sobrenome espanhol Gomez, estudiosos dizem que sua origem é de Gomoarius, também nome visigótico, mas com o significado de “homem de guerra”.

Assim, com sentido estendido, Gomes pode ser visto como “filho do homem”, “filho do homem de guerra”.

  • Gonçalves

Este é um sobrenome bastante disseminado na região ibérica, apresentando a grafia González na Espanha. Seu significado é “filho de Gonzalo”. Já o nome próprio Gonzalo está relacionado a Gonzalvo, cuja origem é germânica: vem do germânico Gunther, cujo significado é “salvo na guerra”, tendo sido latinizado para Gundisalvus, como chegou à região ibérica.

Por todo o exposto, Gonçalves pode ser entendido como “filho daquele que foi salvo na guerra”.

  • Guimarães

Remete à histórica cidade portuguesa Guimarães, conhecida por ser o berço de Portugal, então associada à fundação da nacionalidade e da identidade portuguesas. Seu significado é “vindo de Guimarães”, “nascido em Guimarães”.

  • Lopes

É um sobrenome que surgiu a partir do nome de um animal. Seu significado é “filho do lobo” (por conta do acréscimo do sufixo -es, indicando ligação, relação com), “corajoso”, “vitorioso”. Sua origem partiu da palavra em latim lupus, que significa “lobo”, e da qual inicialmente formou-se Lope.

Pela referência ao animal, entende-se que esse nome foi dado a pessoas dotadas de atributos como coragem e destreza. É considerado patronímico, já que entendido como “filho de Lope”, “filho do lobo”, sendo Lope nome próprio bem comum na península ibérica.

  • Marques

Trata-se de um sobrenome patronímico trazendo referência a Marco e suas variantes, como Marcos e Marcus. Seu significado, portanto, é “filho de Marco”. Como este nome próprio possui raiz no latim Mars, cujo significado é Marte, o deus da guerra na mitologia romana, Marco quer dizer “dedicado a Marte”, “guerreiro”.

Por isso, o sobrenome também pode ser entendido como “filho daquele dedicado a Marte”, “filho do guerreiro”.

  • Martins

Trata-se de um sobrenome que remete à mitologia romana. Tem sua origem no nome latino Martinus, que por sua vez remete ao deus romano da guerra: Marte. Assim, é um sobrenome que tem simbologia bélica, entendido como “guerreiro”, “relativo ao deus Marte”.

  • Moreira

É um sobrenome relativo a uma espécie de árvore, fazendo com que ele seja classificado como topônimo, indicando traço característico de algum lugar. Moreira surge a partir de “amoreira”, árvore que produz amoras.

Ainda para reforçar sua classificação como topônimo, acredita-se que outra inspiração para o sobrenome tenha sido a freguesia de Santa Maria de Moreira, em Portugal.

Nota: É praticamente tão comum no Brasil quanto em Portugal.

  • Nunes

É um sobrenome ibérico, grafado Nunez na língua espanhola. Seu significado é entendido como “filho de Nuno”. Esse nome próprio tem possível origem no latim nonnus, levando os estudiosos a concluírem que o nome Nuno era dado ao nono filho que nascesse numa família.

Por conta disso, outro significado possível para esse sobrenome é “filho do nono filho”.

  • Oliveira

Como o próprio sobrenome já indica, quer dizer “oliveira”, a árvore que dá azeitonas. Como muitos sobrenomes surgiram a partir de algum traço característico da região onde a pessoa vivia ou havia nascido, provavelmente o sobrenome Oliveira está ligado a um local repleto de oliveiras.

Nota: Curiosamente, está entre os três sobrenomes mais comuns no Brasil, embora em Portugal esteja entre os dez.

  • Ramos

Trata-se de um sobrenome ibérico bastante conhecido cuja origem está relacionada a motivo religioso. Partiu da festa de Domingo de Ramos, celebração da chegada de Jesus Cristo a Jerusalém. Sabe-se que diversas pessoas adotaram esse sobrenome por inspiração religiosa, fazendo com que houvesse vários Ramos, mas sem parentescos entre si.

  • Ribeiro

É um sobrenome bastante comum em Portugal. Vem de ripariu, palavra que em latim quer dizer “rio pequeno”. Trata-se de um topônimo, indicando pessoas residiam ou viviam próximas de um rio pequeno.

De acordo com documentos, Dom Ramiro, o último de Leão, foi um dos primeiros portugueses a ter esse sobrenome. Nota: Coincidentemente, esse sobrenome tem grande popularidade em Portugal e no Brasil.

  • Rodrigues

Estamos diante de um sobrenome patronímico muito comum em países como Portugal, Espanha e Brasil. Tem o significado de “filho de Rodrigo”. Por isso, vale a pena buscar o significado desse nome próprio. Rodrigo tem origem germânica, formado por hrod (“glória”, “fama”) e ric (“poder”, “rei”, “senhor”), o que leva ao significado de “poderoso pela sua glória”, “governante poderoso”.

Logo, o significado ampliado de Rodrigues é “filho daquele que é poderoso pela sua glória”, “filho do governante poderoso”.

  • Silva

É um dos principais sobrenomes portugueses, sendo de extrema popularidade em Portugal e no Brasil. Sua origem está relacionada ao Império Romano: naquela época, os romanos utilizavam esse nome para se referirem àqueles que moravam em matas ou florestas.

Silva é entendido como “selva”. Era um sobrenome nobre durante a Idade Média em Portugal e existem indícios de que houve na antiga Roma uma linhagem real com esse sobrenome.

  • Soares

É um sobrenome bastante típico da região ibérica. Vem de Soeiro, nome próprio que era bastante popular durante o período medieval. Assim, o significado de Soares é “filho de Soeiro”. Esse nome, por sua vez, apresenta origem latina: de suarius, que significa “pastor de suínos”. Por conta disso, Soares também é entendido como “filho do pastor de suínos”.

  • Sousa

É possível encontrá-lo também com a grafia Souza, bem como frequentemente antecedido da preposição de. Todas essas formas possuem a mesma raiz: o latim saxa, cuja significado é entendido como “seixo”, “rocha” e, ainda, “pedra”. Por conta desses significados, acredita-se que tenha surgido como referência a um lugar sala onde havia muitas rochas, pedras.

De acordo com alguns estudiosos, também pode ter relação com seixa, uma espécie de ave selvagem e agressiva bem típica da região ibérica, o que levaria o sobrenome a ser entendido como “bravo”, referindo-se à ave.

Chegou ao Brasil ainda nos primeiros anos da colonização portuguesa, valendo destacar que Tomé de Sousa foi o primeiro governador-geral no Brasil, assumindo o cargo em 1549.

  • Teixeira

Com o significado “nascido na área dos teixos”, “habitante da área dos teixos”, não fica difícil imaginar que estamos falando de mais um sobrenome topônimo. Sua origem é encontrada em um tipo de árvore, chamada teixo. Assim, tudo parece indicar que esse sobrenome tenha surgido muito esperado em locais onde esse tipo de árvore era muito presente.

Este é um sobrenome tão característico da cultura portuguesa que no Palácio Nacional de Sintra, em Portugal, está entre os 72 sobrenomes portugueses que têm um brasão Sala de Brasões do Palácio.

Outros bonitos Sobrenomes Portugueses


lista-de-sobrenomes-comuns-em-portugal

  • Aguiar: “referente a águia”.
  • Antunes: “filho de Antônio”, “filho do valioso”, “filho daquele que é digno de apreço”.
  • Barbosa: “local cheio de árvores”, “referente à Quinta da Barbosa” (localizada no Porto, em Portugal).
  • Borges: “a torre”, “aquele que vem de Borjas”.
  • Campos: “área de semeadura”, “nascido no campo”, “vindo do campo”, “zona rural”.
  • Castro: “castelo”, “fortaleza”, “habitante do castelo”, “habitante da fortaleza”.
  • Fonseca: “fonte seca”.
  • Freitas: “brecha”, “abertura”, “habitantes do local rochoso”, “aquele que vem de local rochoso”.
  • Lourenço: “natural de Laurento”, este o nome de uma antiga cidade italiana.
  • Magalhães: “o grande”, “o grandioso”. Tem relação com a Torre de Magalhães, em São Martinho do Paço Vedro (Portugal).
  • Matos: “terreno muito arborizado”, “vegetação agreste”.
  • Pires: “filho de Pedro”, “filho da rocha”.
  • Sampaio: “marinho”.
  • Simões: “filho de Simão”. Por extensão, “filho do ouvinte”, “filho daquele que ouve”.
  • Tavares: “habitante de Tavares”, “nascido em Tavares”, fazendo referência a um local em Portugal.
  • Veiga: “planície fértil”.

Mais Sobrenomes Famosos em Portugal


sobrenomes-portugueses-bonitos-e-famosos

  • Assunção
  • Carneiro
  • Coelho
  • Esteves
  • Henriques
  • Miranda
  • Moura
  • Neves
  • Nogueira
  • Pessoa
  • Raposo
  • Saramago
  • Vaz


Considerações Finais


Como vários sobrenomes de origem portuguesa são facilmente encontradas aqui no Brasil, temos quase certeza de que você conhece pelo menos uma pessoa com um desses sobrenomes. Acertamos? Será, ainda, que você é a pessoa com um desses sobrenomes? Escreva aqui nos comentários o que você achou da nossa lista!

Aproveite sua visita para conhecer nossos outros textos especiais com significados de sobrenomes. E, claro, continue acompanhando nosso trabalho, estamos sempre preparando novidades para você.


Todo nosso conteúdo é feito especialmente para que nossos leitores possam transmitir sentimentos de amor, felicidade, carinho e gratidão para aquelas pessoas que amam.

Portanto, esperamos que nosso material com Sobrenomes Portugueses possa ter atendido suas expectativas.

Se puder nos ajudar, compartilhe nosso site com seus amigos e familiares via Facebook, WhatsApp, Stories, Instagram, Status, Tumblr, Pinterest ou qualquer outra Rede Social.

A equipe do “megafrases.com.br” agradece a sua visita a esta página e te convida a retornar outras vezes para conferir nossas lindas mensagens e imagens…

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.